Artist: As Gaivotas

Boiadeira de Minas

Alô moçada, estou chegando agora
Venho lá de fora, sou uma forasteira
Ainda trago a roupa empoeirada
Das longas estradas, pois sou boiadeira

Chapéu grande, bombacha listrada
Bota sanfonada, laço de mateiro
Aonde eu chego logo a morenada
Fica apaixonada por esta mineira

Em todas as festas que eu vou chegando
Já vou perguntando quem é boiadeira
Se tem viola dou um ponteado
E canto folgada, pois sou violeira

Eu bebo pinga e jogo trucada
E de madrugada grito os companheiros
Vamos embora e no mesmo instante
Puxo meu berrante e pé no chão mineiro

Quando amanhece estrada empoeirada
Tocando a boiada eu sigo prazenteira
O meu destino é lidar com gado
Conhecendo estados no burrão ligeiro

Chego em Barretos foi à charqueada
Entrego a boiada, recebo o dinheiro
No outro dia faço a despedida
Pois é assim a vida desta boiadeira

Se alguém pergunta por curiosidade
Qual é a cidade desta boiadeira
Então respondo com satisfação
Sou morena boa do estado mineiro

Sou de Uberaba das sete colinas
Princesa de Minas, chão dos zebuzeiros
Além de tudo adoro o meu Brasil
De céu cor de anil, pois eu sou brasileira